Serras e Lago em até 5 dias

Agora que conheceu Palmas e o encantador Distrito de Taquaruçu, você pode dedicar o seu quarto dia a explorar as belezas do entorno. Não se arrependerá de dedicar um dia à cidade de Lajeado, a apenas 50 km da Capital. A diversão começa ainda no caminho, quando pode observar a imensa Serra de Lajeado, a mesma que contorna (e adorna) Palmas. Toda extensão da Serra é propícia à prática de atividades como caminhada, escalada e mountain bike. Ali também está à sua disposição o Mirante da Serra de Lajeado com rampa de parapente, esporte praticado no local.

Chegando à cidade, você vai apreciar a vista do Morro do Segredo, uma elevação exótica que se assemelha a um vulcão inativo, numa área desprovida de vegetação. Outra formação rochosa que chama a atenção é o Morro  do Leão, que se assemelha ao majestoso animal em repouso e pode ser visto da TO-010. Uma vez em solo urbano, visite a Cachoeira Viva a Vida,  uma queda d’água de aproximadamente 12 metros de altura, formando vários saltos que se precipitam em forma circular, com formações rochosas proporcionando um recurso paisagístico admirável, formando piscinas naturais propicias ao banho. O local conta tem infraestrutura com restaurante e banheiros.

Na Casa do Artesão você pode adquirir peças artesanais à base de argila, com desenhos que rementem às pinturas rupestres encontradas na Serra de Lajeado e no leito do Rio Tocantins.

Se quiser uma experiência diferente, você pode se programar para que a ida a Lajeado se dê numa quinta-feira. Isso porque neste dia é possível visitar a Usina Hidrelétrica Luís Eduardo Magalhães. Lembrando que estas visitas necessitam de agendamento prévio.

Amante da pesca esportiva? Lajeado também é o seu lugar. O Funil é um estreito de 200 metros, onde as águas do Rio Tocantins se comprimem, atingindo alta velocidade num misto de beleza e perigo. É um atrativo único na região, que pode ser visitado o ano inteiro e muito procurado para a pesca esportiva.

 ___________

Para o último dia do seu roteiro pelas belezas da região Serras e Lago,  conheça Porto Nacional! Saindo de Palmas pela TO-050, a cidade histórica  fica a uma distância de 60 km da capital. O município apresenta grande concentração de atrativos histórico-culturais. O passeio pelo Centro Histórico - tombado pelo IPHAN em 2008 -, por si só, já compensa a viagem. Você faz um retorno ao passado andando pelas ruas e apreciando estruturas como a Catedral Nossa Senhora das Mercês, construída pelos frades dominicanos vindos da França em 1894. A maioria das imagens sacras da igreja foi trazida da França e de Belém do Pará. O Seminário São José e o Colégio Sagrado Coração de Jesus, além de casarios antigos com arquitetura colonial, formam  um conjunto arquitetônico encantador.  

Não deixe de visitar a Rua das Flores, formada por casas antigas de fachadas coloridas,  toda decorada com vasos de flores de diversas cores e espécies. Vá também ao Museu Histórico e Cultural de Porto Nacional,  o primeiro prédio de dois pavimentos construído na cidade, cuja obra foi concluída em 1923. Abrigou a câmara, a prefeitura e a sala de audiência até 1969. O museu foi fundado na década de 1980 e se instalou em definitivo em 2007, sendo tombado e restaurado pelo IPHAN.

Após o passeio cultural, é hora de lazer. Na Ilha de Porto Real você vai encontrar uma boa infraestrutura, com bares e restaurantes. Ali, a prática de esportes náuticos é quase obrigatória. Difícil resistir. Ao longo do mês de julho, período de alta temporada de praias no Tocantins, a Ilha de Porto Real ganha palco, onde acontecem grandes shows de bandas nacionais e regionais.

No final da tarde, o point da cidade é a Orla, um local onde existem vários bares, pizzarias, restaurantes e flutuantes. Aproveite para experimentar a variedade de pratos à base de peixe que ali são preparados.